EspañolPortuguês

¿Qué es el kéfir?


 

O Kéfir é uma bebida fermentada repleta de probióticos e outros ingredientes muito benéficos para a nossa saúde. Os chamados “grãos de Kéfir” – um aglomerado de bactérias muito especial, fermentam durante cerca de 24 horas em água (“grãos de Kéfir” + água + açúcar) ou leite (“grãos de Kéfir” + leite), é isso que produz o Kéfir. Estes grãos estão cheios de proteínas, polissacarídeos e uma mistura de vários tipos de micro-organismos, tais como, leveduras, aromas e bactérias responsáveis pela produção de ácido láctico que são comprovadamente benéficas para os humanos. Alguns dos benefícios mais popularmente associados ao Kéfir são: o reforço do sistema imunológico, a regulação do transito intestinal e o auxílio na regulação do colesterol.

 O Kéfir de leite ou búlgaros, é o resultado da inoculação (fermentação) do leite com os grãos de kéfir de leite.

O Kéfir de água ou tibicos, é o resultado da inoculação (fermentação) de água açucarada com tibicos (grãos de kéfir de água).

Historicamente o Kéfir tem origem nas montanhas do Cáucaso e era produzido de forma rudimentar em sacos feitos com pele animal. Estes eram colocados nas portas das casas e golpeados várias vezes ao longo do dia. Desta forma, quem produzia o Kéfir certificava-se que o leite e os grãos estavam bem misturados e que obteriam uma mistura homogénea. Hoje em dia, o Kéfir é conhecido mundialmente e muito popular entre as pessoas que querem cuidar da sua saúde e são entusiastas dos métodos mais tradicionais e naturais de preparar os alimentos. É muito simples de preparar, uma vez que são necessários apenas os grãos de kéfir, a água ou leite e um recipiente de vidro.


Grãos de Kéfir

Mais de 30 estirpes de bactérias boas e leveduras convivem harmoniosamente dentro dos grãos de Kéfir. A parte visível dos grãos são uma combinação de proteínas insolúveis, aminoácidos, lípidos e polissacarídeos solúveis (açúcares complexos). Falando de forma mais científica, o conteúdo do grão de kéfir liofilizado (desidratado a baixa temperatura) é composto por apenas 4,4% de lípidos (gordura) e até 34,3% de proteínas, para além de ser rico em vitaminas, particularmente do complexo B, cálcio e aminoácidos, como os Aminoácidos de Cadeia Ramificada também conhecidos como BCAA. [fonte]

Os grãos de Kéfir são reutilizáveis, no sentido em que basta consegui-los uma vez para preparar infinitas culturas (desde que esses grãos tenham a manutenção adequada, claro!). A melhor forma de adquirir os grãos, é obtê-los através de alguém que já os utilize, quer seja um amigo, familiar ou outro amante de Kéfir que esteja disposto a partilhar os seus grãos excedentes. Recomendamos o site www.kefirhood.com, esta comunidade é uma plataforma de troca de grãos de Kéfir entre mais de 3000 usuários um pouco por todo o mundo.

 

Recipiente de vidro

Tradicionalmente, o Kéfir era fermentado em sacos feitos de pele animal. Actualmente podemos utilizar qualquer material não corrosivo para o Kéfir. A maior parte dos consumidores de kéfir usam recipientes de vidro, que são mais fáceis de limpar e que devem garantir um baixo fluxo de ar. O processo de fermentação produz uma série de gases e estes devem ser expelidos, caso contrário, é possível que encontre um pequeno desastre na sua cozinha, ocasionado pela acumulação de gases. A separação dos grãos de Kéfir do próprio kéfir, pode também ela ser um bocadinho desastrosa e trabalhosa. Muitos consumidores de Kéfir utilizam um coador separado ou um tecido que permita essa separação. Da nossa parte, recomendamos uma solução integrada como o Kefirko.

 

Se deseja conhecer quais os benefícios do Kéfir, recomendamos que leia o nosso próximo post: Beneficios de beber kéfir

0 comentários

  • O seu comentário foi partilhado com sucesso! Obrigado!

Deixar um comentário

Por favor, tenha em conta que os comentários deverão ser aprovados antes de serem publicados.

Liquid error: Could not find asset snippets/spurit_uev-theme-snippet.liquid